samedi 25 avril 2009

Às "Feras" deste mundo...

A cadeira... para aquela "fera" adepta da violência gratuita!

Que me perdoem aqueles que são visitas frequentes deste meu cantinho, poucos talvez mas bons, a quem reconheço uma sensibilidade acima do comum e cuja passagem por isso mesmo tanto me agrada, mas hoje acordei zangada!
Sinto esta necessidade visceral de esvaziar o "fel", de isolar e escalpelar o vírus de que fui contaminada!
Tudo por causa dum tal Bruno "fera"que de fera apenas tem a sonoridade que lhe é próxima ao nome de família!! No fundo não deve passar de um patinho feio que jamais chegará a cisne! De um daqueles personagens apagados, pequeninos e feiinhos que na vida real nunca tiveram nem "palco" nem "audiência", muitas vezes ignorados e outras tantas desprezados a quem a magia da internet ajuda a forjar imagens de um "arrojo" pseudo-singular e que de repente virtualmente se "realizam"!
E é "vê-los" detentores da verdade "absoluta", morder à esquerda e à direita sem qualquer discernimento ou pudor (excepção singularmente feita a protocolos cerimoniais, sobretudo havendo rainhas à mistura) tendo como obsessão e primeiro objectivo o de angariar audiências!!! E o mais incrível é que conseguem!! Sabem como?! à custa de "crentes" e incautos que como eu espreitam, começam por achar piada à ousadia simulada que aliás rapida e frequentemente resvala na vulgaridade, surpreendendo-se logo a seguir, primeiro pela dúvida depois pela negativa para finalmente tentarem, não sem esforço e paciência, fazê-lo entender que não estar de acordo ou não gostar não dá direito a ninguém de insultar de forma tão vulgar e cruel!!
No fundo, bem lá no fundo do que a "fera" gosta mesmo é de "pipocas"... mas tenho a ligeira intuição que nem para pipocas, sejam elas doces ou salgadas, tem "dentes"!!
Por tudo isto decidi deixar de ser visita e sobretudo, caso a curiosidade me faça lá voltar, leia o que ler, decidi não comentar! Revelou não ser adversário à altura. O que merece mesmo é ficar a "falar" com personagens do seu "tipo" (pseudo-rebeldes) cuja pobreza de linguagem denota bem a mediocridade do conteúdo e cuja a adulação fica bem a um EGO como o seu, inchado pela carência acumulada na vidinha bem real e pequenina que deve levar!

108 commentaires:

  1. Pois cara amiga infelizmente de vez enquanto somos confrontados que este tipo de atitudes. A minha postura quando tal me acontece é cair fora como dizem os brasileiros.

    RépondreSupprimer
  2. Contradições,
    Pois... foi precisamente a essa conclusão que cheguei mas não sem antes expor as razões da minha indignação!

    RépondreSupprimer
  3. Boa noite


    Gostava de saber se posso acrescentar o teu link ao meu blogue.

    RépondreSupprimer
  4. Não me posso pronunciar sobre a situação/objecto em causa porque não consigo seguir os links que deixaste, mas posso dizer que esses patinhos feios que jamais chegarão a cisnes, mas que quando se olham no espelho veêm reflectida a imagem de belos cisnes...são um perigo!

    Gostei do fel :)

    Beijoca e boa semana.

    RépondreSupprimer
  5. O que se passa é que a sua visão esquerdista do mundo a impede de ver o quadro politico como um todo. Na verdade eu argumentei com factos contra os seus argumentos que se baseavam em sonhos. O meu texto do 25 de Abril ofendeu uma pessoa, ofendeu-a a si e só a sim.

    Você que acha que eu não deveria ofender ninguém, escreve um texto deste teor. Por mais ofensivo que o meu texto pudesse ser para com os comunistas e bloquistas, este seu texto consegue ser de uma baixeza incrível, mas cada um sabe de si.

    Quanto ao meu aspecto físico, não sei em que ponto poderá ele afectar a minha escrita, visto não a beleza ou falta dela não é usada, nem sequer me apresento com lindo ou feio. Mas julgo que a sua opinião sobre a minha beleza está a par com a sua opinião sobre a minha idade. Por este texto eu poderia dizer que você está nos sub 20, pois isto parece-me revolta de adolescente que foi magoada nas suas crenças de mundo cor-de-rosa.

    Não sei se modera ou não comentários, mas espero que publique esta minha resposta, pois caso não o faca irei tomar isso como um desafio a responder-lhe no meu blogue, o que só provará qual de nós busca audiências (espero que este último parágrafo atinja os objectivos).

    Obrigado pelos seus comentários e pela interessante discussão gerada apesar de ter fugido ao texto, julgo que me visitava já com esta intenção, mas para bem ou para o mal, o meu blogue é um espaço aberto.

    RépondreSupprimer
  6. Onde se lê no primeiro parágrafo "sim" leia-se si :)

    Também achei interessante a sua opinião sobre a minha vida "lá fora"... como se eu vivesse aqui dentro. Tenha vergonha!

    RépondreSupprimer
  7. Ora bem, eu li o texto, eu vi os comentários, e acho realmente que da sua parte houve uma falta de argumentação incrível.

    O blogger em questão não escreveu de forma diferente da que escreve em outras situações, e não se comportou de forma diferente ao seu habitual.

    Adulterar uma musica não é nem crime, nem ofensa. Apenas o é para quem tem uma extrema falta de humor.

    E por muito que o 25 de Abril tenha significado para si, e acredito que sim, há que reconhecer que as coisas não foram conduzidas da melhor forma. E não haver equilíbrio de ideologias politicas no panorama da politica nacional, como é do conhecimento geral que Não há, também não é muito abonatório. Mas nisto nem me alongo pois não sou expert em politica quer nacional quer internacional.

    Quanto a atacar, e perfilar uma pessoa com base nos seus ideais políticos... Oh minha senhora, tenha dó. Para além de saber que falhou ao lado em tudo, e sei, mesmo que não o tivesse feito, só mostra pequenez de espírito. A mesma que você afirma que ele tem.

    Sabe que se chama a isto em psicologia Freudiana? Projecção. Mas não se projecte dessa maneira tentando manchar o bom nome de pessoas que escrevem, escrevem bem, e sabem do que falam, embora nem sempre se concorde.

    A si digo-lhe: Get a life!

    RépondreSupprimer
  8. Jane Doe

    Mas o Bruno Fehr precisa de advogado de defesa?

    Não me parece

    Get a life you too

    RépondreSupprimer
  9. A Laura precisa concerteza.

    I have a life, não te preocupes com isso.

    Eu não defendo, apenas exponho o meu ponto de vista, e quando não gosto, nao gosto e digo.

    Algum problema?

    RépondreSupprimer
  10. forteifeio:
    Acho que Jane é livre de expressar a sua opinião. Não é essa uma das liberdades que apregoam no 25 de Abril, então os esquerdistas deveriam ser os primeiros a aplaudir este acto do uso dessa liberdade.

    A chegada a este texto está relacionada não com defesa da minha pessoa, a esta insana e sem sentido disertação sobre mim referindo-se a quem a autora ACHA que sou, mas sim com um comentário deixado no meu blogue alertando para este texto. Comentário esse apagado a pedido da autora.

    Eu não preciso de defesa, mas não estás a fazer mais do que defender alguém que deve assumir as suas palavras, por um ataque pessoal.

    RépondreSupprimer
  11. Alexandra,
    Se entretanto voltou já terá forma de ler o texto inicial ao qual tive o cuidado de comentar com indignação é certo, mesmo firmeza mas sempre com respeito e educação! Não costumo fazer aos outros o que não gosto que me façam a mim!
    Mas é claro em minha "casa" expus a minha análise aprofundada de toda a situação impregnada de um humor crítico sim mas longe muito longe da vulgaridade a que chegou o utilizado pelo Bruno Fehr para adulterar uma canção do Zeca Afonso! Análise à qual aliás não retiro nem uma palavra!
    Disse e repito e basta ler o meu primeiro comentário ao Post do Bruno "Fehr": Não gostar ou não estar de acordo não deveria dar o direito a ninguém de insultar! Ou alguém acha que o Zeca Afonso e quem ainda hoje gosta de o ouvir gostaria de ver assim adulteradas as suas canções?!?!
    As imagens que utilizei podem ter sido mordazes e pelos vistos bem certeiras (ou o próprio não se daria ao trabalho de vir até aqui!) mas bem longe da vulgaridade que critiquei ontem e criticarei sempre!

    RépondreSupprimer
  12. Bruno Fehr, (embora ache que Bruno Fera lhe assenta muito melhor)

    Antes de mais quem é o menino para etiquetar a minhão visão do mundo de forma tão redutora?!? Aliás se soubesse ler e não apenas juntar letras teria percebido que não foi o seu texto que me indignou independentemente de estar ou não estar de acordo, como aliás é fácil de ver pelo comentários que deixei no Post anterior sobre Obama+Ela+cão. Acho mesmo salutar a divergência de opinões e a discussão que daí se pode gerar. O que me Chocou e me Indignou foi a adulteração baixa e ordinária a que sujeitou a canção do Zeca Afonso apenas para dizer que não gosta!
    Indignei-me pela canção de que gosto, pelo que ela representa e pelo enorme respeito e admiração que ainda hoje sinto e sentirei pelo Zeca Afonso. Grande músico e compositor, Homem duma enorme Humildade que Jamais seria capaz de tratar alguém dessa forma nem mesmo aqueles que foram seus carrascos!! E olhe que algumas das suas cancões transmitem uma enorme revolta, uma revolta visceral muito sofrida mas digna sempre digna sem nunca resvalar na vulgaridade, nessa com que pretendeu manchá-lo!

    Aliás essa sua violência gratuita e insultuosa é-lhe cada vez mais característica basta ler (além destes 2 Posts - 25 de Abril + Obama &Cia) o Post que por exemplo dedicou à Pipocamaisdoce e ao concurso que ganhou!!
    É incrível como a imagem do sucesso dos outros o incomoda!!! Ora isso só pode querer dizer que a sua própria imagem o incomoda! Logo para mim não passa de um patinho feio, muito feio que nunca há-de chegar a cisne e que disso tem bem consciência, e que por isso mesmo tanto "grasna"!

    RépondreSupprimer
  13. forteifeio,
    A resposta é sim, claro!
    Volte sempre que quiser e olhe que nem sequer precisa de estar de acordo... aliás adoro uma boa discussão, mas com pessoas que não só argumentam com perspicácia mas tb com respeito pelo outro e pelas suas opiniões!

    RépondreSupprimer
  14. Bruno Fehr,
    Só mais um pormenor acabe com esse tom de ameaça (...espero que publique esta minha resposta, pois caso não o faça...) até porque comigo não funciona. E já agora acabe tb com a teoria dos "complots" o menino não teve, não tem e não terá nunca essa importância para ninguém, nem para mim nem mesmo para a pipoca que tão bem lhe soube responder ignorando-o de forma soberba... bem de acordo com o protocolo que o menino tanto defende!)!!
    Eu sei que lá no fundo gostaria muito de ser realmente "vítima" de um enorme "complot" mas única "coisa" de que é vítima é de si mesmo... desse patinho de Ego inchado pela carência que não se cansa de grasnar frente ao espelho! "Espelho meu, espelho quem "Posta" mais e melhor que eu?!" (aqui Posta é de pescada... bem entendido)
    Vê acabou por me fazer rir...

    RépondreSupprimer
  15. Jane Doe,
    Pois a questão se calhar está aí! É que sabe eu entrei pela primeira vez no Blogue do dito cugo sanguinolento pela leitura dum Post sobre o dinheiro e a sua história. Post este isento do seu tipo de linguagem, pois não passava duma transcrição de um artigo de Zeitgeist, cuja a escolha e leitura apreciei. Contudo já houve aí um pequenino malentendido (da parte dele, claro) que levantou um cantinho do véu ao cisne descobrindo o patinho feio que já se escondia atrás!
    Além disso Jane Doe talvez esteja na hora de rever a sua definição de ofensa, insulto e porque não crime!
    Quanto ao 25 de Abril e sua história não será consigo que a vou discutir, pois como você mesmo disse está longe muito longe de ser uma "expert" (deste tema como certamente de muitos ou outros)! Além disso gosto de discutir com quem acho que posso aprender alguma coisa, por mínima que seja... como por exemplo a não recuar perante pessoas que fazem do uso e da divulgação da palavra uma forma torpe e ignóbil de ofender e insultar escamoteando valores queridos a tantos de nós!
    ... Pois ouviu falar de Freud na última conversa de café foi?? Não chega, veja se o lê a sério talvez a ajude... quem sabe?!

    And you know what if you had your own life you wouldn't be here living other's life would you?
    So get some HELP... you need it!

    RépondreSupprimer
  16. Bruno Fehr,
    Só mais uma coisinha, porque não muda de nome para Narciso Fera. Fera traduz bem esse seu lado agressivo e Narciso essa forma tão desprovida de humildade e até de bom senso que utiliza para falar de si e do que escreve!

    RépondreSupprimer
  17. Bruno Fehr,
    Sabe o menino não tem mesmo qq sentido de ética pois não resistiu a revelar que alguém lhe terá deixado um comentário no seu blogue alertando-o para este meu Post, mesmo tendo-lhe pedido para o apagar...
    Ora aqui estão duas pessoas que se merecem!! Uma que atira a pedra e esconde a mão fazendo questão de se esconder atrás do anonimato e a outra que acede ao pedido mas apenas em parte porque mal se sente acoçado não hesita em o nomear (revelando parte) para justificar a sua presença no meu blogue aonde veio "empurrado" pelo dito cujo comentário que se quis apagado, não para se defender (que ideia) mas antes para me ofender!!!
    Lamento mas desta vez não conseguirá sair imune... pois fá-lo-ei beber do seu próprio "fel".

    RépondreSupprimer
  18. Bruno Fehr,
    Não se assuste e volte sempre... terei imenso gosto em continuar a rebater (como aliás já o fiz comentando no seu próprio blogue) um a um os seus fracos "argumentos"!

    RépondreSupprimer
  19. A sua resposta fez-me rir, e nem me dei ao trabalho de a ler toda, cheguei a Zeca Afonso, Obama e Pipoca e vi qual era o seu objectivo. Sim, agradeço os comentário que fez até ter perdido a cabeça com insanidades, mas agradeço também que não me comente, pois a sua atitude não é equilibrada nem normal. Gostaria de manter o meu espaço com pessoas equilibradas, inteligentes, como sentido de humor e que acreditem que a liberdade de expressão não é um direito adquirido ao estado, mas um algo inato ao seu humano. Para tristeza sua e minha enorme alegria não vivemos num estado Stalinista. Nem Zeca Afonso ficaria com a pele de galinha que a senhora ficou. Se não viu ainda o ridículo da sua atitude é porque o povo tem razão no seu ditado popular que se refere a idades e línguas.

    Dou por terminada a minha primeira e ultima participação num texto seu e no seu blogue.

    RépondreSupprimer
  20. Bruno Fehr,
    Desiquilibrada e anormal é essa sua agressividade, essa sua apetência pelo insulto gratuito e ordinário! Como aliás imagino seja a sua "pequenina" e "insignificante" pessoa!
    E quanto ao seu espaço, como deveria já ter percebido, tenho valores bem definidos que estimo e respeito! Disse que não voltaria a comentar no seu espaço e mantenho o que disse! Deixá-lo-ei a falar com quem é tão ou mais desiquilibrado ou então com quem que por falta de conteúdo ou de carácter se deixa manipular ou até mesmo intimidar por um "pintorzinho"(de palavras abusadas) que virtualmente se auto-promove a "Hitlerzinho" de trazer por casa/blogue.
    Por falar em Hitler... este foi outro patinho feio (e mau)que nunca chegou a cisne apesar do tanto mal que fez e de ter tentado no mundo real construir o "Império da Perfídia"! Acabou como todos sabemos, vítima de si mesmo... pena é que entretanto tenha feito tantos milhares de vítimas!
    Por tudo isto sempre que queira aparecer não hesite, cá estarei para o reduzir à sua minúscula, feia e insignificante dimensão!

    RépondreSupprimer
  21. Bruno "Fera" e Jane Doe,
    No ínicio, ainda que estranhando, não percebi porque razão uma donzela vinha assim em defesa tão acérrima de um (tão mal elevado)"cavaleiro" que aliás me faz lembrar aqueles senhores recém-burgueses da Península Ibérica(do séc. XVII) que de repente desataram a comprar títulos pretendendo assim apropriar-se do que nunca lhes esteve no sangue - origem nobre -
    Fiz então uma pesquisa quase arqueológica e não é que dou com o blogue:

    http://prisaodepalavras.blogspot.com/

    de que ambos fazem parte!!!A menina veio até aqui movida por um espírito corporativista!!

    Agora já todos percebemos!!

    RépondreSupprimer
  22. Não vale a pena...

    Deixem-se disso. Cada um na sua. Não percam tempo nem paciência.

    Beijo

    RépondreSupprimer
  23. Vim aqui pela curiosidade causada pelos seus comentários no blog que linkou mal neste texto, mas não percebi nada, afinal o que é que ofendeu? Acho que desceu o nível da discussão que estava a ser interessante. Correndo o risco de a ofender, tenho de dizer que o seu texto não faz sentido por fazer uma imagética baseada em opiniões politicas por não ter conseguido passar a sua opinião politica. Parece que tudo isto começou num tema musical que em nada dá ou retira valor a um acontecimento histórico.

    No que toca a ofensas, desculpe mas só vejo as suas.

    RépondreSupprimer
  24. Jay Dee,
    Se calhar tem razão, mas não posso deixar que me tentem calar de forma tão insultuosa dentro da minha própria casa! Nem pensar!

    RépondreSupprimer
  25. Tocha,
    Entenda que eu nem sequer quis contestar uma opinião política. Se ler com atenção os meu comentários ao Post do Bruno Fehr que está na origem desta discussão perceberá isso... pelo menos assim o espero! Aceito toda e qualquer divergência de opinião... aliás adoro uma boa discussão!Já não entendo nem aceito que alguém precise de adulterar de forma tão vulgar e agressiva o texto duma canção para dizer que não gosta dela! Sobretudo representando o que para muitos representa e tendo sido obra de quem foi!
    Lamento mas não aceito e sinto-mo no direito de o dizer e bem alto! certo?

    RépondreSupprimer
  26. Sim, todos temos o direito de expressar a nossa opinião mas não acho que criar imagéticas da vida pessoal de pessoas que não conhecemos, arranjar "pet names" só porque adulterou uma musica, seja uma resposta à altura.
    Eu aterrei no blog em questão devido a um comentário que achei muito lúcido do seu autor num blog que acompanho, e de link em link vim parar ao seu.
    Você de certa forma ataca não só o autor daquele blogue pessoalmente bem como todos os seus leitores, vejo este texto como uma ofensa a um grupo de pessoas.
    Não acho que ataques pessoais ajudem muito a sua defesa por se sentir ofendida. Parece uma daquelas discussões em cada um tenta gritar mais alto que o outro e ambos perdem a razão.
    Dois adultos não precisam destas polémicas. Espero que não leve a mal a minha opinião, mas como refere todos temos o direito de a expressar e visto que li e gostei de muito do que li no blogue que critica, passei a ser na sua opinião um "pseudo-rebelde" igual ao autor desse blogue. Essa suposta "pseudo-rebeldia" é ofensiva. Não gostei de ler.

    RépondreSupprimer
  27. Tocha,
    Lamento que não perceba, mas é simples na minha Terra há um ditado que diz "Pimenta no rabo de uns para outros é refresco!"
    Considero por isso que, sem ter sido tão brutal e grosseira como esse menino foi, dei-lhe a beber do seu próprio "fel"!
    Não gostou? Lamento tb eu não gostei do que li!
    É livre de gostar ou não gostar, mas tb eu o sou! O que não somos ou não deveríamos ser, nem eu nem ninguém, é livres de insultar porque não gostamos ou não concordamos! Sabe a nossa Liberdade acaba onde começa a dos outros!
    Para alguns a sua liberdade é infinita, tão infinita que não se cansam de pisar e escamotear a Liberdade dos outros!

    RépondreSupprimer
  28. Tocha,
    E já agora diga-me de onde veio assim tão à pressa?! Nascido em tão pouco tempo... que coincidência gira!!! Não me diga que se trata de um pré-fabricado para ajudar a construir à volta do dito cujo sanguinolento uma falsa plataforma de apoio!!! Olha que bem!!

    RépondreSupprimer
  29. Você tem razão quando fala de liberdades, mas por ser ofendida indirectamente através da obra de outrem, acha-se no direito de ofender imensas pessoas. Você está a passar um atestado de burrice a imensa gente, que me parece de um intelectualismo arrogante e ofensivo.
    Olho por olho, dente por dente? Isso não é liberdade!
    Já agora, importa-se de clarificar essa questão do "nascido em tão pouco tempo" bem como o "vindo à pressa"? Parece-me que é uma insinuação com segundas intenções e terei todo o prazer em esclarecer. Não quero passar aqui amanhã e encontrar um texto destes sobre mim, só porque não gostou da minha opinião.

    RépondreSupprimer
  30. Tocha,
    Mais uma vez está enganado! Não lhe vou dedicar nenhum Post! E pode passar quantas vezes quiser e deixar os comentários que quiser! Só espero que o faça de forma correcta, isto é com o respeito que me é devido!
    Sabe talvez seja um defeito, mas quando me "batem" eu (ainda) não sei dar a outra face(ainda não atingi esse estado de perfeição, admiro quem o consegue fazer, como Ghandi o fez, por exemplo)mas eu, já não sendo tão impulsiva como o fui na minha juventude, não consigo abafar a minha indignação e revolta! Ainda assim exponho sempre as minhas razões! Quando nem assim "param" aí, se preciso for, serei tão ou mais cruel (mas nunca vulgar... detesto a vulgaridade!)!
    Quanto ao "vindo à pressa" é que não sei se reparou mas acabei por descobrir que Bruno Fehr e Jane Doe são "comparsas" de blogue!! Daí permiti-me suspeitar se no seu caso não se passaria algo do género!! Sabe é que aqui a entrada é livre... logo com o trigo pode sempre entrar joio!
    Mas se entrar para insultar, prometo que não sai sem resposta à altura! Palavra de Laura!

    RépondreSupprimer
  31. Tocha,
    Olhe sabe que mais volta para o blogue do Bruno e leia (com olhes de ver, como dizia minha mãe) estes Posts:
    - 25 de Abril, especialmente a letra adulterada da canção de Zeca Afonso "Grândola Vila Morena"
    - Obama + Ela + cão
    - Rainha de Portugal (crítica agressiva e grosseira a um outro blogue e seu mentor)

    E depois volte para falarmos de "ofensas" a pessoas ou a grupos! certo?

    RépondreSupprimer
  32. Obrigado pelo esclarecimento. Quanto aos textos de que fala li o texto sobre o 25 de Abril, não posso dizer que seja ofensivo seria grave se fosse uma paródia a símbolos nacionais.
    O texto do Obama, não li nem leio nada que tenha a ver com o Show politico Americano.
    Quanto à Pipoca mais doce, foi desde a polémica de há uns tempos, Pipoca vs Fehr que encontrei o blog dele. Ela escreveu um texto sobre ele de teor ofensivo (bem ao estilo dela) e do mesmo nível do ataque dela ao Herman José, que diga-se de passagem ficou mal vista pois o Herman respondeu como um senhor. O texto sobre a Pipoca é só um de vários que encontrei na blogosfera sobre o resultado daquela votação. Não vi ataques pessoais como vi aqui, mas o texto dele é com toda a certeza irónico, mas seria de esperar pois ele não respondeu ao texto dela na altura e se responder ao seu, com toda a certeza deixar de ler o que ele escreve.
    A blogosfera não deveria ser assim.
    De qualquer maneira, estou esclarecido. Boa sorte para si e para o seu blog, voltarei mas certamente não para ler ofensas gratuitas seja a quem for, por vezes textos educados sem entrar na vida privada, conseguem passar mensagens mais fortes.
    Grato pela atenção.

    RépondreSupprimer
  33. Tocha,
    Pois olhe que apesar de tocha anda mesmo às escuras. Não terá um problema de "ovido duro"? Eu indiquei-lhe o nome do Post mas dizendo que o que me indignou foi a adulteração vulgar da letra da canção do Zeca Afonso! certo? (Irra que o rapazinho é surdo... além de estar a precisar de acender a toca tb não seria má ideia uma lavagem às orelhas)

    Quanto ao Post sobre o OBama + Ela + cão... foi pena não ter lido, quer o Post quer os comentários que suscitou (da minha parte por exemplo) teria aprendido muita coisa, quer sobre o tema, quer sobre quem o escreve e quem o comenta!

    Quanto ao Post da Rainha de Portugal e sobretudo aos comentários e respostas do seu autor se ler com atenção, o que pelos vistos não foi o caso, vai detectar a mesma vulgaridade na argumentação que aliás já vem de trás pois por exemplo no Post "O que é a crise (parte 1/2) em resposta a um comentário de um Anónimo (parte 15 a contar de cima) escreveu como argumento o seguinte:

    Quote
    "...tens de visitar cabeças ocas e banais, recomendo-te a Pipoca mais doce e o Arrumadinho que reabriu o seu esgoto..."
    Unquote

    que ilustra bem como gosta e tem o hábito de tratar quem não tenha ou não siga a sua "linha" de pensamento! Triste não acha?
    Eu acho mais do triste esclarecedor sobre o grau de inchaço de que sofre EGO do patinho feio!!

    Quanto à sua frase que passo a transcrever:

    ..."sem entrar na vida privada"

    Mas que vida privada??? Não conheço a pessoa e menos ainda a sua vida privada(!) logo não poderia entrar nela (credo!!!) O que conheço é o personagem autor do blog através de alguns Posts (poucos mas que dizem tudo) e claro a sua arrogância e falta de nível... que ainda tolerei enquanto não resvalou na vulgaridade insultuosa!
    Certo? Percebeu agora? Ou quer que lhe faça um desenho?

    RépondreSupprimer
  34. Eu percebi perfeitamente não é um problema de audição pois não preciso de ouvir para a ler. Percebi que se ofendeu pela adulteração da letra, não percebo é onde está a ofensa, parece-me que o problema é unicamente seu, após ler os comentários na totalidade.
    A senhora na verdade é mal educada, arrogante e não nível para ter uma discussão civilizada com ninguém, algo que demonstrou em todas as palavras que teclou quer no texto quer em comentários. Se discordam de si você parte para as ofensas.
    Continue com as sua ofensas pois é o que está a fazer, ofende quem a comenta só porque não concorda consigo, e depois diz que outro blogger também o faz. O que os outros fazem justifica os seus erros?
    Sim, fez ataques pessoais referindo-se às pessoas quer blogger quer comentadores não nas suas personagens blogosfericas mas sim como pessoas parte de uma sociedade. Desde patinhos feio a ouvidos mal lavados a senhora escreveu já das maiores barbaridades que já li. E parece-me que tudo isto foi premeditado, pois a sua raiva por aquele blogger e pessoas que o acompanham não é normal. É triste encontrar pessoas assim, mas não irei alongar-me mais pois sei identificar quando alguém é um caso perdido.
    Apesar de tudo, fique bem na sua raiva desmedida que eu não lhe voltarei a dar oportunidades de ofensa.

    RépondreSupprimer
  35. Tocha,
    Barbaridades orelhas mal lavadas? Não me faça rir que não é o momento! E já agora proveite e veja se compra um espelho porque vai deparar com mais um caso perdido! Oxalá não se assuste!

    RépondreSupprimer
  36. Bruno Fehr

    O teu post não é aqui é no teu blogue. Como sabes, consigo discutir sempre com elevação e posso ó não concordar contigo em muitos aspectos. Mas respeito-te como a todos e se por algum motivo estiver errado ou enganado, não terei problemas em pedir desculpa, mas não és este o caso. A partir do momento em que se entra por caminhos que vocês entraram automaticamente as posições estrão estremadas. Mas se falam de ti e do teu blogue acho bem que te venhas cá defender, já não se passa o mesmo com A Jane, vocês são adultos entendam-se. Tu tens capacidade para produzires os teus pontos de vista e estou em querer que não necessitas de ajuda.

    RépondreSupprimer
  37. Jardins de laura, haja alguém com discernamento que coloque esse indivíduo no lugar. Parabéns pelo teor das suas palavras e pelo poder argumentativo.
    Garanto-lhe por "conhecer" tão ignóbil personagem que o tocha não é nem mais nem menos do que esse bruno fera pois quando se sente ameaçado recorre a heterónimos que ele tem espalhado pela blogosfera.
    Como disse e muito bem é um patinho feio, muito feio sem nenhuma formação que além de plagiar textos, tem graves problemas de identidade, uma aberração, alguém desprezível que se acha esperta. Chega a meter dó!

    Um bem haja para si

    RépondreSupprimer
  38. Lamento recorrer ao anonimato mas infelizmente e dada a quantidade de seguidoras de baixo nível que esse fera tem, e a quantidade de heterónimos, não quero ter o meu blog poluido com seres deprezíveis. Aliás já o pôde comprovar aqui no seu blogue. Tem um poder argumentativo muito mais elaborado do que o meu, provavelmente aliado a sua experiência à qual desde já invejo.

    No decorrer do tempo talvez me possa identificar sem ser perseguida.

    RépondreSupprimer
  39. Quando referi que "Tem um poder argumentativo muito mais elaborado do que o meu..." estava naturalmente a falar de si, jardinsdelaura.

    Esse fera de argumentos não tem nada, recorre a opiniões de outros, nunca teve opinião pessoal formada. A única coisa que ele sabe fazer é insultar de forma gratuita.

    RépondreSupprimer
  40. Que peixeirada que para aqui vai :O

    RépondreSupprimer
  41. "... Pois ouviu falar de Freud na última conversa de café foi?? Não chega, veja se o lê a sério talvez a ajude... quem sabe?!

    And you know what if you had your own life you wouldn't be here living other's life would you?
    So get some HELP... you need it!"

    Fixo-me nesta parte. Eu não estou a viver a vida dos outros. Estou a defender não só o meu direito à liberdade de expressão, como a defender as coisas que gosto. Eu tenho vida própria, tal como todas as pessoas, e por sinal bastante rica. Mas a blogosfera também faz parte dela. Pouca mas faz. Logo, eu não estou a viver a vida de outros, mas a ser o que sou e o que quero ser em relação aos assuntos que se me apresentam.

    Quanto ao Freud, conheço o suficiente dele, da psicanalise e da Psicologia dinâmica. Suficiente não, claro, porque nunca nada é demais. Mas visto que apenas defendo a minha liberdade de expressão, e não quanto ao que acho ser uma ofensa e uma baixeza, não vejo que a psicanálise me seja útil. Referi esse processo, o de projecção, ou transferencia, porque para o fazer desta forma foi o que me lembrei. É um processo válido e muitas vezes inconsciente. Se não é isso, também não sei nem me interessa para nada. Agora, ajuda, eu?! Sinto-me perfeitamente com a minha pele, e nao tenho problemas com isso. Tenho é alguma dificuldade em lidar com pessoas que acusam outras de ofensa e depois fazem pior. Bem pior.

    Quanto ao blog em que somos colaboradores, qual é o problema? E o que quer você insinuar? Espero que nada. Eu não vejo qualquer problema, e mesmo que não fossemos, a minha atitude seria idêntica. Não me vou por a mandar bitaides da sua vida, mas realmente gostava que fosse A senhora a repensar, e reformular as suas definiçoes de respeito, ofensa, e crime. Pois por se ter ofendido com uma música com a qual nem o próprio Zeca Afonso se ofenderia, você ultrapassou todos os limites, esses limites que apregoou, só porque ficou sem argumentação válida numa discussão politica, levando outras pessoas a ultrapassar também alguns dos seus limites, pois perante tanta baixeza junta como deve imaginar, ninguém é de ferro.

    Não, não vou dizer que precisa de ajuda, porque cada um sabe de si, e eu não tenho que saber dos outros. Mas não volte a dizer que uma pessoa precisa de ajuda, só porque defendeu uma ideia, e algo de que gosta (eu defendi o Bruno Fehr e voce o Zeca Afonso... Hmmm... será que... coiso e tal...?)

    E quanto à agressividade do meu comentário... Não peço desculpa, não retiro uma unica palavra, porque como disse. Perante isto ninguém é imune a um ataque de muito mau feitio.

    É o meu último comentário. Não irei perder mais tempo com isto, responda o que responder, acho até que nem virei ver a resposta. Para quê? Ter um ataque de riso outra vez?

    Não, obrigado.

    RépondreSupprimer
  42. forteifeio,
    Antes de mais nada Boa Tarde! Sabe que mais, este tipo de "feras" nunca me assustou! O mais incrível é que tentei realmente discutir mas não se pode discutir com quem se acaha no direito de adulterar a letra duma canção de forma tão ordinária e baixa com a agravante de ter plena consciência que para muitos de nós ela teve tem e terá sempre um significado especial! Seria a mesma coisa que pegar num dos Posts da fera e depois de dizer que não gosto nem estou de acordo (não satisfeita)resolvesse pegar no texto de adulterá-lo exactamente com o mesmo tipo de linguagem que utilizou para a cançãoo do Zeca Afonso... mas que tipo de reacção acham que a "fera" teria?!?
    Mesmo sem o ter feito foi exactamente isso que lhe quis provar com este meu Post... espero sinceramente que tenha percebido!
    Mas o que ele realmente merece é que o deixem a falar sózinho ou com os diferentes personagens que vai inventando para lhe servirem de plataforma de "apoio"!!

    RépondreSupprimer
  43. Anonyme,
    Percebo e respeito que queira manter o anonimato se receia ser "incomodada" no seu espaço, mas na minha humilde opinião se todos aqueles que já se sentiram de alguma forma ofendidos ou até insultados por ele (ou seja quem for) não se inibissem de exprimir alto e bom som a sua indignação e até de o confrontar com as suas razões talvez ele já tivesse dado outro "rumo" ao seu discurso... enquanto perceber que "impera" (ainda que pela negativa) e que atemoriza quem o lê não mudará!!
    E mesmo não o ou a conhecendo obrigado pela força... e se um dia resolver sair do anonimato não se esqueça que não está só! Como você viu (e aliás foi disso exemplo)bastou alguém dizer "basta" para logo outras vozes se lhe juntarem!!

    RépondreSupprimer
  44. Anonyme,
    Penso que se trata de um outro anónimo(a) por isso e para não me repetir parte da resposta já a dei nas resposta anterior! Percebo e respeito as suas razões mas acho que deveria ousar e acredite que não estará só e que terei muito prazer em visitar o seu blogue! Até lá força, dias felizes e obrigado pelo apoio!

    RépondreSupprimer
  45. Lucifer,
    Peixeirada... se for muita e variada ainda se faz uma caldeirada daquelas de arromba! E como aqui a entrada é livre considere-se convidado!

    Esta é a resposta que reservo caso este seu comentário tenha um carácter positivo, o que não consegui determinar em absoluto devido à escassez de vocábulos! Caso tenha um carácter negativo só lhe tenho a dizer isto:

    É assim que na minha terra tratamos os carapaus de corrida e as fanecas da linha!!! Muita cebolada, pimento, azeite, alhos e claro tomates e depois é refugá-los em "lume" brandinho! Deve ser daí que lhe vem o cheiro!!

    RépondreSupprimer
  46. Jane Doe,
    Pois... o seu problema é precisamente esse querida: muita fixação!!! Eu diria mesmo demasiada fixação! Tanta que já virou obcessão!

    Mas ainda que mal lhe pergunte a "fera" é seu mestre por acaso? Eu diria que ou é seu mestre ou seu guru... é que sabe segue-lhe as pégadas com um tal rigor e pormenor...
    Já reparou que adoptou o mesmo estilo de resposta que o seu "mestre/guru": pega numa ou duas frases do "adversário" transcreve-as e disserta à volta... ou melhor tenta! Porque vê-se que se esforça mas baralha-se muito! Deve ser dos livros que anda a ler a conselho do mestre!
    Já experimentou estudar a lista telefónica?! Talvez demore mais tempo mas como não dá que pensar corre menos o risco de se baralhar a si... e claro de cansar aqueles que a lêm!!!

    Mas pronto já memorizou 2 grandes "palavrões" daqueles que impressionam como psicanálise e Psicologia Dinâmica... minto 4 grandes "palavrões" ia-me esquecendo de projecção e transferência!!!
    Por falar nisso, não acha que se continuar a decalcar assim o "mestre" (seus gostos e opiniões) corre o risco de limitar a sua capacidade de projecção pois reduz de forma linear a transferência dos seus "valores" a um só "banco" de dados... ainda por cima "viciados"?!?! Isto para já não falar no "banqueiro" (mestre/guru) que a jeito de um Madof ainda vai acabar por lhe dar cabo dos "fundos"!!
    Tá a ver fiquei assim depois que li um artigo transcrito pelo seu mestre para o Post a que chamou "O que é a crise (parte 1 e 2)"! Tb leio muito eu!! (lol)
    Lamento mas não consegui deixar de me rir! Juro-lhe que me esforçei por manter séria!

    Espero sinceramente que tenha percebido! É que a menina é cá uma seca!!!

    Mas volte sempre, há dias em que comentários como os seus se podem tornar-se verdadeiras cócegas (se não servirem para quebrar o "gelo" vão concerteza quebrar a "monotonia")!!

    RépondreSupprimer
  47. Jane Doe,

    No último parágrafo onde se lê
    "...comentários como os seus se podem tornar-se..."

    Deve ler-se:
    "...comentários como os seus podem tornar-se..."

    Sabe é que dado o alcance das capacidades que acabo de lhe reconhecer tenho imenso receio que "empanque"!!E logo no final do texto... seria pena!

    E já sabe volte sempre!

    RépondreSupprimer
  48. jardinsdeLaura,

    De facto há muita gente mal educada na blogosfera e sem qualquer tipo de nível. Criam os blogues para se sentirem maiores (a ver se superam os 10 milimetros de nível).

    Penso que o melhor é mesmo ignorares. Não vale a pena. Quando discutimos com um parvo ele faz-nos descer ao nível dele e depois vence-nos com a experiência. Não sei quem é o autor da frase, mas que é certeira, é.

    Quanto à advogada de defesa, deve ter desenvolvido um fascinio qualquer e nem dormiria bem se não o viesse aqui defender.

    Vai por mim, ignora. Nada dói mais a essas pessoas que buscam na blogosfera o sucesso que, provavelmente, não têm fora dela.

    Leio o teu blog desde que o descobri no fim de Março e finalmente decidi-me a comentar pois era dificil ficar calada perante tamanha falta de nível da outra parte.

    Gosto muito da tua escrita!

    Bisou bisou

    RépondreSupprimer
  49. Maria Prazeres,
    Li o teu comentário e claro quis conhecer-te melhor e não hesitei em fazer uma visitinha ao teu "cantinho" onde acabei por deixar um comentário a um pequeno Post teu e tb a minha impressão muito pessoal sobre a tua escrita.
    Quanto a este "momento" menos feliz... já é passado, sanado e arquivado num daqueles espaços próprios a "virus" contagiosos duma qualquer febre "porcina"!
    Volta sempre e obrigado pelo apoio!

    RépondreSupprimer
  50. Maria Prazeres,

    Não ficaria ainda mais giro:

    Maria dos Prazeres Imorais (para alguns mas essenciais para outros!) lolololol

    Espero que não leves a mal porque juro que não foi essa a intenção! É que não resisti a partilhar a frase que me veio à cabeça mal entrei no teu Blog!
    Fizeste-me rir e logo ao levantar!
    Obrigado, soube-me bem...!

    RépondreSupprimer
  51. Laura:
    Porque ligas a quem não merece?
    Eu sei que por vezes nos apetece responder de uma certa maneira, inconveniente claro está, mas não devemos descer ao nível de quem nos ofende.
    Aqui somos livres de cortar a entrada a quem quisermos, e mais ainda de publicamente denunciarmos os que não queremos.
    Há pouco como podes ver no meu blog alguém me colocou um comentário de que não gostei, pois entrava num campo desconhecido, esperando uma reacção diferente, espero que tenha a frontalidade de colocar o mesmo comentário identificado como eu identifico os meus, até porque quando coloco o nome "A Luz A Sombra", todos sabem que é meu.
    Laura, não te preocupes com os outros, tu fazes fotografia, escreves bem, continua com calma e não desças do teu lugar para o alcatrão.
    Repara que o comentário que me colocaram era anónomo o que ainda era pior.
    Se não gostares do meu comentário não publiques, porque eu compreendo-te.
    Abraço
    Maria

    RépondreSupprimer
  52. Maria, Simplesmente
    Mas porque é que eu não haveria de gostar do teu comentário? Não vi nada que me pudesse levar a excluí-lo! Aliás se reparares recebi comentários quase insultuosos e nem por isso os excluí! Sabes porquê?
    Primeiro porque me acho capaz de pôr os seus autores a engolir em "seco", como aliás o fiz!
    Depois porque mantendo-os acessíveis a todo o público, deixo que este ajuize por si mesmo da sua qualidade (ou falta dela)... até porque acredito que muitos dos que me visitam (aqueles que realmente me interessam) são pessoas sensíveis e inteligentes que facilmente distinguem o trigo do joio!
    Em terceiro lugar porque decidi que só tomarei essa atitude radical de exclusão se a linguagem for do tipo daquela que deu origem a este Post, mas nunca sem antes dar a minha resposta ainda que a um nível bem mais elevado!

    Além de tudo isto porque a escrita para mim é um prazer, do qual não abdico, até porque só se cumpre em absoluto quando partilhada...

    E agora vou dar um saltinho ao teu Blog... fiquei curiosa! Volta sempre e obrigado!

    RépondreSupprimer
  53. Gostaria de dizer algo em defesa dos "anónimos". Não tenho blog porque não tenho tempo nem jeito para a escrita. No entanto sempre que posso venho ler o que se diz pela blogosfera.
    No fundo todos somos anónimos, a diferença é naqueles que não têm blog. Para poder comentar não há outra opção senão anonimamente.
    Longe de mim andar por aí aos insultos. Quando não gosto simplesmente não leio. Não pude evitar de espreitar esse tal de Fehr, do que li na diagonal achei bastante básico e desprovido de interesse e de inteligência. Muita parra e pouca uva. Um blog inútil a evitar pois depois de adulterar a letra de uma canção tão significativa de um artista de renome e de respeito, só me ocorre a palavra lixo.
    Apenas queria que não generalizassem porque nem todos os anónimos são cobardes.

    Saudações,
    Maria Manuela

    RépondreSupprimer
  54. Este "senhor" (sem ofensa para os verdadeiros) é já conhecido pelo reiterado recurso ao plágio, à cópia, à usurpação de ideias, que depois apresenta como suas, arrogando-se como possuidor de um conhecimento que por muitas voltas que dê nunca vai dominar.

    Em tempos, apelidei-o de Zé Moscambilha, pelas inúmeras maroscas que protagonizou e pela chico-espertice que o caracteriza:

    - plágios... à descarada.

    - tentativas absolutamente ridículas para tentar disfarçar esses plágios... com trocas e baldrocas e explicações esfarrapadas. - e quando se vê encurralado, este quadrúpede ruminante cavicórneo dispara em todas as direcções, procura criar ruído, alimenta uma discussão estéril, tenta desviar as atenções da verdadeira fraude.

    - obsessão pelo número de visitas ao blogue (ao ponto de comprar um pacote de visitas fictícias para fazer disparar a estatística e subir na lista dos blogues mais visitados - porque ele não suporta que outros blogues, como os da Pipoca ou do Arrumadinho, consigam ter mais visitantes, tem dor de cotovelo).

    - Identidades falsas por ele criadas para testemunhar em seu favor, como este "TOCHA", que mais não é do que um "RUBS", um "RUBEN" ou uma "MARISA" que já comentaram noutros espaços e até no próprio blogue da fera amansada.

    - E acima de tudo uma inveja do tamanho de um melão de Almeirim, que o leva a cuspir a bílis quando a capacidade para pensar e argumentar é escassa ou quando alguém intelectualmente superior lhe faz frente.

    No Minho existe o hábito de fazer transportar um animal nas procissões ao qual chamam o Boi Bento. Comparo esta fera a esse animal. Um espécime que apesar de todos os enfeites, da gaitas de foles e do fogo de artifício é demasiado manso de ideias, não tem onde cair vivo, a não ser no curro onde vai destilando toda a sua baba feérica.

    RépondreSupprimer
  55. Maria dos Prazeres Imorais parece-me bem :)

    Não levo nada a mal, desde que haja educação como há manifestamente no teu caso, aceito tudo.

    Beijinhos

    RépondreSupprimer
  56. Anónimo,
    Não tem porque se justificar! Cada um escolhe a forma como se comporta, quer na vida real quer na virtual! Contudo talvez importe saber que assumirá SÓ as consequências dessa escolha, como aliás é próprio dessa mesma condição (a de anónimo)!
    Apenas tentei dizer aos anónimos que comentaram este Post, alegando que o faziam dessa forma por recearem ser incomodados, que esse tipo de atitude acaba por dar ainda mais força a estes pequenos "tiranos" da Blogosfera!
    Mas compreendo e respeito!
    Além de que acredito que quando assumimos de cabeça erguida as nossas escolhas angariamos mais depressa tanto o respeito como a solidariedade, como aliás acabei por ser exemplo!
    Assumida ou anónima, o que realmente me incomoda é a "tirania da vulgaridade"!
    Por isso esteja à vontade e volte sempre que quiser! Até ao próximo Post!

    RépondreSupprimer
  57. Bruno,
    Até os olhos se me esbugalharam... durante alguns segundos quase acreditei estar novamente face ao outro Bruno!
    Pois muito me conta... embora nada que eu já não suspeitasse!
    É claro que segui as pistas que me deu mas devo confessar que fiquei mais convencida pelo segundo exemplo que deu(sobre as testemunhas de Jeova)onde ele o assume como totalmente seu chegando ao ponto de referenciar a sua origem num texto de um outro Blogue seu, entretanto encerrado!
    Uma vez que no primeiro exemplo (sobre o fundador da cientologia Ron L. Hubbard) no final do texto, que aponta como cópia, são citadas várias fontes e entre elas o endereço do Blog(http://turnorburn.homestead.com) de onde vem o texto original. Embora como diz e apesar de alguns erros de tradução a semelhança entre ambos seja gritante!

    Mas o que realmente mais me espanta é que não consigo perceber onde está o interesse e menos ainda o prazer de fazer passar por nosso o que nunca foi! É que os outros podem até nunca saber mas quem o faz não tem como escapar à verdade!
    Sabe que mais personagens deste tipo fazem-me pena!

    RépondreSupprimer
  58. Ce commentaire a été supprimé par son auteur.

    RépondreSupprimer
  59. Ce commentaire a été supprimé par son auteur.

    RépondreSupprimer
  60. Senhor Bruno Refehr, já lhe tinha dito há algum tempo que o próximo Intercidades para a Marinha Grande abala às sete e meia da manhã.

    Se precisa que lhe recorde, posso também lembrar-lhe que tenho gravados comentários seus, posteriormente apagados, em que assina como Rubs, Ruben e Marisa (cujos endereços do perfil são curiosamente os mesmo dos comentador Tocha, que aqui aparece), assinados com o login de Bruno Fehr.

    Por isso, se quiser falar de comentários anónimos, podemos partir daí e chegar a outros que deixou espalhados por blogues que diz desprezar.

    Senhor Refehr, vá para dentro dar de comer à sua invejazinha bacoca.

    RépondreSupprimer
  61. "em que assina como Rubs, Ruben e Marisa (cujos endereços do perfil são curiosamente os mesmo dos comentador Tocha, que aqui aparece), assinados com o login de Bruno Fehr."

    É esse o argumento da tua próxima peça teatral? Gostei e fico à espera com ansiedade.

    RépondreSupprimer
  62. Ce commentaire a été supprimé par son auteur.

    RépondreSupprimer
  63. Ce commentaire a été supprimé par son auteur.

    RépondreSupprimer
  64. Comentários apagados por mim e a outra interveniente, pois pessoas adultas entendem-se a conversar (nada teve a ver com o comentário do Bruno, pois com ele é só rir).

    Deixo as minhas desculpas à autora do blogue por esta invasão que nada teve a ver com ela.

    RépondreSupprimer
  65. É curioso o Lucifer ter comentado aqui. Certamente um caso de dupla personalidade, o que recomenda que se chame um psiquiatra a esta página de comentários deste blogue.

    Caso não saibam, o Lucifer é nada mais nada menos que o Bruno Fehr. Não tem mal ter mais que um username como blogger, mas comentar com ambos num mesmo post como se fossem duas pessoas diferentes é preocupante ao nível da condição psiquiátrica deste senhor "Fera", ou "Refehr", como vocês lhe chamam.

    Dito isto presumo que saibam quem é a Lilith. É aquela que se denomina de pitbull e que usa uma linguagem brejeira como se fosse uma qualquer frequentadora de uma tasca de esquina. Ladra muito mas não morde nada. A cadela, ups, pitbull escreve na blogosfera como Afrodite.

    Cumprimentos,

    "Uma amiga que não gosta de pessoas sem educação"

    RépondreSupprimer
  66. Uauuu!

    Meus queridos amigos já cá não vinha há uns tempos, primeiro porque para mim era assunto arrumado e depois porque não achei lógico que deixassem passar tanto tempo para voltar de novo à "carga"!!
    E depois chego e não só deparo com um acréscimo de comentários esfusiantes, pela troca de "mimos" que neles se vê e se adivinha (ainda que mal pergunte, usaram capacete e luvas?), como ainda por cima vejo 4 deles apagados com a frase:
    "Ce message a été suprimé par l'auteur"... Quando até hoje nunca apaguei um único comentário! Não quero com isto dizer que não o farei, mas terei certamente fortíssimas razões para o fazer, que certamente não deixarei de enunciar e que sobretudo serei eu a decidir!
    Logo a seguir... eis, senão, quando... leio um comentário do Bruno Fehr que assume ter, juntamente com a outra interveniente (Mad) apagado comentários anteriores (como? não me perguntem que eu não sei... mas gostaria! Até porque estava convencida que só eu poderia fazê-lo!! Pelos vistos estava enganada!). argumentando: "pois pessoas adultas entendem-se a conversar..." e acrescentando que "Deixo as minhas desculpas à autora do blogue por esta invasão, que nada teve a ver com ela"!!!!

    Uauuuu... mais uma vez!

    Conclusão não posso afastar-me por muito tempo que a confusão instala-se... ou seja "Patroa fora "rave" nos jardins!"!!
    São como as crianças traquinas que não podem ficar muito tempo entregues a elas mesmas sob pena de "partirem a barraca"! Tipo versão portuguesa e virtual de "Sozinhos nos jardins da vizinha III"

    Bruno Fehr, Mad e Bruno... (Tu tb porque até já tínhamos conversado em "privado" e eu declarei o assunto arrumado e aconselhei-te a "virares a página"! lembras-te Bruno?! Por isso:

    CRIANçAs

    Gostaria muito que tal não se voltasse a repetir! CERTO?

    E quando quiserem brincar às "casinhas desavindas" aluguem um ringue de boxe... por exemplo, eu até sou capaz de comprar bilhete, mas por favor deixem-me os "jardins" em paz! CERTO?

    RépondreSupprimer
  67. "Ce message a été suprimé par l'auteur"

    Como a frase indica é autor e não administrador, quando você apaga aparecerá administrador. Qualquer pessoa pode apagar um comentário que faz.
    A minha resposta à senhora Mad levou a conversa para privado e a divergência foi resolvida. Visto que o Bruno voltou a meter o nariz onde não é chamado os comentário foram apagados.

    Quanto à senhora Laura, eu deixei um comentário educado explicando o motivo dos comentários terem sido apagados e mais uma vez a sua reposta foi muito mal educada, como já é normal.
    Quanto a brincar ou não às casinhas desavindas... bem, a senhora com este texto começou isto, agora aguente-se! Sempre que de mim for falado, cá estarei!

    RépondreSupprimer
  68. Bruno Fehr,

    Não posso deixar de agradecer o seu esclarecimento, apesar de tardio, ainda que esta minha ignorância se deva ao facto de nunca ter sentido a necessidade de me retractar apagando qualquer comentário feito! Além disso e como já terei escrito algures, deve-se também ao facto de ainda estar muito "verde" neste campo, o que aliás até me parece que é(cu)lógico dada a minha curta existência neste mundo virtual!

    E depois para os esclarecimentos necessários existem os "virtuosos" como o Bruno!

    Aproveito pois para renovar o meu pedido agradecendo-lhe que procure outro local mais apropriado à resolução das suas divergências (por exemplo o mercado da Ribeira, onde aliás se levantar muito cabelo ainda vem de lá com ele rapado... corte a condizer com essa sua cabecinha de lâmpada (lol))
    Até porque não me parece de muito bom tom ir para "casa" dos outros resolver divergências com terceiros! O que, vindo de si, muito me espantou, conhecedor como é dos protocóis da realeza Europeia(!), que diga-se de passagem tem mostrado ter muito que aprender com o Bruno! Então não é que a Carla na cerimónia oficial de Espanha cumprimentou a Leonor de beijinho (qu'horrorrrr). Eu até já pensei em enviar-lhe o endereço do seu Blog para que nas próximas viagens ela o possa consultar! Não há nada como a opinião de um perito "virtualmente" reconhecido!

    Aliás queria também recomendar-lhe, não que precise mas sempre faz currículum, a inscrição na Academia mais célebre de Genebra que, bem "frequentado" como é já deve conhecer:

    http://www.academienadinederothschild.ch/?bonnesmanieres

    Entretanto quero ver se não me esqueço de lhe enviar no Natal um dicionário... é que não é nada mas tornou-se evidente que lhe está a fazer falta... para ver se corrige definições importantes e essencias à vida em sociedade, como Eduacação e Respeito! E pela mesma altura quero ver se lhe junto uma lista telefónica aqui de Genebra para dar à sua amiga Jane Doe que a esta hora já deve estar a terminar de ler as de aí... sempre lhe globaliza o "estudo" imprimindo-lhe um carácter internacional! (lol)

    Esperando que não se lhe tenha fundido a lâmpada, pelo esforço a que se terá obrigado na leitura da minha resposta, desejo-lhe vivamente as melhoras! Sim porque tanta obsessão só pode ser doença!

    RépondreSupprimer
  69. A definição de "virtuoso" vinda de alguém que ataca de uma forma tão brejeira como a senhora, deixa muito a desejar.
    Saliento que o mercado da Ribeira está muito mais dentro da peixeirada que a senhora adora causar em blogues de terceiros, pois já vi que é coisa que faz com regularidade, não foi só no meu. Peixeirada da qual tanto gosta que a levou a escrever este texto.

    Eu estou nesta casa a resolver divergências causadas por este assunto, e foi esse o caso. Por isso estou no local certo. Não gosta? Temos pena! Poderia ter resolvido esta questão sem ser necessário vestir 7 saias e virar peixeira.

    "Então não é que a Carla na cerimónia oficial de Espanha cumprimentou a Leonor de beijinho (qu'horrorrrr)."

    Lá está a varina em si. Duas mulheres nobres não é o mesmo que uma mera esposa de um chefe de estado e uma rainha. Se este assunto lhe interessa tanto, deveria ler um pouco mais sobre protocolo e um pouco menos o Avante.

    "se não me esqueço de lhe enviar no Natal um dicionário... é que não é nada mas tornou-se evidente que lhe está a fazer falta... para ver se corrige definições importantes e essencias à vida em sociedade, como Eduacação e Respeito!"

    Envie, posso fornecer-lhe a minha morada, mas não se esqueça de o ler primeiro, pois na verdade tive de descer um degrau para falar consigo. Prometo que em troca lhe envio um livro de boas maneiras.

    Quanto a obsessão... hmmmm, quantos textos escrevi sobre si? Zero? Você dedicou-me um (pois não li mais nada do seu blogue), acho que isso só por si é demonstrativo de quem na verdade é doente. Aliás você e Bruno poderiam juntar-se, assim a nível obsessivo só se estraga uma casa.

    E sim, voltarei aqui sempre que se referirem a mim. Mas claro, poderá sempre apagar os meus comentários.

    RépondreSupprimer
  70. Bruno "fera"

    Resolveu pôr as "garras" de fora foi?! Olhe que assim estala-se-lhe o verniz, mas por outro lado vai-lhe bem com as 7 setes saias! Fica giríssimo de saias!... se calhar o problema está aí?! Percebo, lamento mas não posso ajudar!! Só por falta de tempo que em Genebra o que não falta são boas clínicas... veterinárias tb!

    E quanto a ter descido um degrau, lamento profundamente, porque "pequenino" como é corre o sério risco de desaparecer ou na melhor das hipóteses de virar micróbio da febre porcina!

    E sabe que mais a sua escrita é o testemunho evidente da profundidade da sua histeria!!Por favor trate-se!! Quanto à natureza dos argumentos que utiliza a sua mediocridade é tão notória que dispensa qualquer comentário!!!

    Para terminar e no que se refere a voltar, fá-lo-á porque me divirto imenso... é bem melhor que ir ao circo ver os palhaços, estes têm uma dignidade que a si lhe falta!!!

    Não se esqueça de tomar um calmante antes de se deitar!! Na falta dele veja se dá com essa sua "cabecinha" na parede, pode ser que vá ao sítio!!

    RépondreSupprimer
  71. Porque motivo iria eu para Genebra? Não se preocupe tanto comigo pois o melhor serviço médico ainda é encontrado por estes lados :)

    Ainda não preciso de calmantes pois isto diverte-me, mas um pouco de PBT2 ao acordar poderia ser uma mais valia para si.

    Fique bem. Prometo voltar sempre que sentir a minha falta falando novamente de mim.

    RépondreSupprimer
  72. A fera nem dorme!!! Coitada!

    Só mais uma "coisinha":

    A leitura do Avante, que por acaso não leio há anos, foi contudo um excelente antídoto contra o lixo-tóxico que se lê no seu Blog!!

    Mas não se preocupe que cada vez que a si "lhe apetece cobrir" (gostava de saber o quê e com quê, será o buraco do ozono com o nariz? Você e essa sua mania das "grandezas"!) e eu o leio, logo a seguir a mim apetece-me ..gar!!
    Logo reconheço-LHE um excelente e apuradíssimo efeito laxativo!

    Já pensou em falar aqui aos industriais farmacêuticos... ia ganhar um pipa de massa para poder acompanhar de mais perto a nobreza europeia!!!

    E veja se dorme que o seu mal é sono!

    RépondreSupprimer
  73. A TODOS OS QUE VISITAM OS MEUS JARDINS LANçO DAQUI UM ALERTA:

    De há uns dias para cá, à rebelia da minha vontade e contra todos os códigos de bom comportamento, foi constatada a presença frequente e assaz nefasta duma "fera"!!!
    Dado o nível elevado da sua obsessão alerto daqui os meus visitantes para a possibilidade de se acharem de repente com a dita cuja "fera" sanguinolenta agarrada às canelas. A última vez que passou por aqui conseguiu-se um "registo" muito vivo da sua presença no qual são evidentes traços fortes do seu carácter. Foto disponível no seguinte endereço:
    http://www.fond-ecran-image.com/galerie-membre,chien-pinscher-nain,01-reglissejpg.php

    RépondreSupprimer
  74. LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL!

    RépondreSupprimer
  75. Anonyme,

    Estou completamente de acordo!

    LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL!!!!

    RépondreSupprimer
  76. hihi que bonita imagem :-)

    A fera é chata! Mas ainda bem que já desistiu de vir aqui comentar como Lucifer também. Assim já me preocupo menos com o seu estado psiquiátrico. Se é que me tinha preocupado.

    Lucifer... Yeah, right! Ainda vive no mundo dos sonhos. Ou dos pesadelos, já que a Lilith/Afrodite...

    Vou para dentro que no jardim faz frio.

    "Uma amiga que não gosta de pessoas sem educação"

    RépondreSupprimer
  77. Anonyme,

    Não se preocupe querida que se ele voltar vai pelo mesmo caminho e com o rabinho murchinho bem escondido no meio das pernas!
    Mas a esta hora está a dar voltas àquela cabecinha de lâmpada à procura de ideias luminosas!!! Aquilo a que chamo um verdadeiro idiota... isto é um rapazinho cheio de ideias luminosas!!! Quando de repende descobre uma(ou rouba ao vizinho, p'ra ele dá no mesmo) fica tão "aceso" que mais parece uma árvore de Natal!!

    RépondreSupprimer
  78. Mas como é que eu adivinhei que você lia o Avante?

    Antes que me envie o tal dicionário, veja também a definição da palavra cobrir, pois pelo seu comentário você tem uma mente muito pecaminosa.

    Quando ao anónimo, é só rir!

    RépondreSupprimer
  79. À "Fera" só lhe apetece cobrir os buracos naquele cérebro de queijo suíço, porque um "boi bento" não cobre de outra forma... serve apenas para abrilhantar a procissão...

    Recuperando o que escrevi noutro comentário... é espécime que apesar de todos os enfeites, da gaitas de foles e do fogo de artifício é demasiado manso de ideias, não tem aonde cair vivo, a não ser no curro onde vai destilando toda a sua baba feérica.

    RépondreSupprimer
  80. Bruno "fera"

    Se calhar é porque você tb já o leu!!!
    E não leio, já li! Em tempos que não renego e de que aliás muito gosto de lembrar!

    Não me diga que a ideia de ter o seu "narizinho" a cobrir o buraco do ozono o excita?! Além de idiota tb consegue ser perverso!!

    É incrível este rapaz... tem tudo, absolutamente tudo para num concurso de cus ganhar e de caras!!!!

    RépondreSupprimer
  81. Bruno:
    No entanto ilumino os teus dias, pois já lá vão mais de 2 meses de textos, vídeos, fotos, diversos domínios online e várias centenas de Twits, sobre a minha pessoa.

    O teu fascínio é de tal forma fanático que retira qualquer valor às criticas que possas fazer.

    RépondreSupprimer
  82. Laura, não tomou o PBT2, acho que se nota no seu comentário.

    RépondreSupprimer
  83. Senhor Boi Bento (Bruno Fehr), continua a alegrar-nos com a tua ronceirice.

    Mas faz um pequeno favor. Desce um pouco do andor e deixa de tentar fazer os outros crer que tudo o que eu escrevo é sobre um ser tão pequenino como tu.

    "2 meses de textos, vídeos, fotos, diversos domínios online e várias centenas de Twits, sobre a minha pessoa"

    Onde estão eles?

    A não ser que te identifiques com a foto do burro, com a comenda de grão-burro, com alguma personagem do Grande Primo, etc.. O que acredito aconteça, tal a constância da tua presença poluidora naquele espaço.

    Peço-te apenas que deixes de te apropriar da identidade dessas personagens. Plagia os textos a quem quiseres, mas deixa as figuras do Grande Primo em paz e não queiras fazer-te passar por elas.

    RépondreSupprimer
  84. Bruno "ferinha" amestrada,

    Não o conheço o PBT2, nem faço a mínima ideia do que seja e olhe que trabalho na área da saúde e ainda por cima no país por excelência da indústria farmaceutica, logo só posso concluir que de PBT2 quem percebe é o Bruno!

    O que quer que seja oxalá o cure! E se existir em supositório olhe que não é para introduzir pelo nariz!!!

    RépondreSupprimer
  85. Meu caro, plágios é o que você faz, tendo até usado a minha imagem de perfil. O senhor só pode ser parvo, porque indo ao seu pequenino espaço vemos todos os links que tem para o meu blogue na sua ridícula ideia de programa blogosférico. Além disso na sua barra Twitter o meu nome impera.

    Mas continue, falar bem ou mal é sempre positivo!

    RépondreSupprimer
  86. Não sabe o que é PBT2? Então a investigação não vai lá muito bem por esses lados :) Felizmente eu não preciso ainda dele, mas talvez um dia... quem sabe.

    RépondreSupprimer
  87. Boi "Fehr" Bento,

    esse teu comentário só pode ser para rir. O teu nome impera na minha barra de Twitter? Não há por lá nenhuma referência a Boi, e Bruno Fehr não é designação de gente, peço imensa desculpa mas é assim. Fehr tanto pode ser o nome de uma bactéria, como o nome de um calhau andante do Death Valley.

    O meu blogue pode ter os links que eu entender, se te identificas com as figuras do Grande Primo tira daí o cavalinho da chuva.

    Eu usei a tua imagem de perfil? Não estarás a confundir alguma coisa?

    É melhor fazeres a trouxa e zarpares. Estamos quase no verão e no Minho já se preparam os bois bentos. Leva os enfeites e aproveita para fazer alguma coisa útil prá sociedade...

    RépondreSupprimer
  88. Bruno "fera"

    O que se passa é que para estes lados não há "feras" há pessoas!

    Como não sei do que se trata não posso afirmar que seja o mais adequado para o seu CASO... cada vez mais sério aliás! Esperemos que não se torne num caso sem cura... e não digo isto a pensar em si mas antes em quem o atura!! Às tantas nem com PBT2 lá vai!!

    RépondreSupprimer
  89. Sim, menino... tu e a Laura estão bem um para o outro, ambos primitivos a dialogar :) Mas nada mais posso esperar de quem ficou para trás no processo evolutivo ;) Mas como já aqui o disse, só se estraga uma casa!

    RépondreSupprimer
  90. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    faz lá birrinha, vá lá. Já estamos acostumados a esse papel de virgem ofendida.

    RépondreSupprimer
  91. Bruno "fera"

    Ou o elo perdido, aquele que em tempos ligou o macaco ao homem!!! Quem ia ficar contente em o conhecer era Darwin, você é o testemunho vivo da sua "teoria da evolução das espécies"... embora pela fotografia ninguém o diga, a parecença é mais mental e se calhar apenas visível quando descaca bananas!!!

    Mas volte sempre qu'isto consigo é o fim da macacada!

    RépondreSupprimer
  92. É sempre um prazer inspirar e maior prazer é argumentar convosco visto que a vossa argumentação tem sempre de descer para tentativas de ofensa. Não estou na disposição de baixar ao vosso nível pois seria derrotado pela vossa experiência.

    Voltarei assim que a argumentação melhorar :)

    Beijinhos à prima.

    RépondreSupprimer
  93. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    experiência em argumentação rasteira tens tu e o teu séquito, como bem se pode comprovar por essa blogo(es)fehra. Mas reparo que gostas de assumir o papel da virgem ofendida. Sempre pronto a cuspir nos outros, e sempre pronto a fazer birrinha e a vitimizar-se ou a mentir à descarada quando a razão não lhe assiste. É este o carácter da Fera.

    RépondreSupprimer
  94. Tal qual a raposa, no conto de La Fontaine, ao passar pelas as uvas a que não conseguia chegar "estão verdes!"... não estavam verdes não senhor, estavam era fora do seu alcançe!!!

    Você não tem nem nunca terá nível para mim!!!

    Mas volte sempre que é um prazer vê-lo partir de "rabinho" entre as pernas!

    RépondreSupprimer
  95. Interessante a sequência de respostas do Bruno e Laura...

    Bruno, tens o meu apoio para continuares, nunca me farto de ver a tua auto-humilhação.

    Laura, lá está mais uma vez a medicação em falta, a sua memória parece ser limitada, as ofensas no blogosfera é uma constante sua. Ok, poderá ter mudado de perfil para obter uma nova imagem, mas quem tecla é a mesma pessoa :)

    RépondreSupprimer
  96. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    se bem me lembro, quem costuma mudar de perfil e adoptar diferentes identidades em diferentes espaços és tu. Quando comentas anonimamente no meu blogue, ou com três ou quatro nomes diferentes. Quando fazes o mesmo no blogue da Pipoca. Quando comentas com mais do que um nome no teu próprio blogue (caindo no cúmulo de responder aos próprios comentários por ti escritos).

    Esta é uma estratégia já conhecida de quem não consegue "chegar às uvas": quando os teus argumentos não colhem, inventas inimigos, ou porque é o Bruno ou porque é a Pipoca ou porque é alguém que mudou de perfil.

    Isso revela um transtorno afectivo bipolar, Bruno Fehr, e uma propensão para a dor de cotovelo (Calminex, em pomada).

    RépondreSupprimer
  97. Sim, só há uma coisa que corre mal nisto tudo, os anónimos são de Lisboa e saem do teu PC, sempre foi assim e sempre assim será.

    RépondreSupprimer
  98. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    mais uma demonstração desse transtorno afectivo bipolar e de uma intratável mania da perseguição.
    Continua a atirar barro à parede a ver se pega.

    RépondreSupprimer
  99. Bruno "fera"

    O senhor acha-se no direito de vir a minha "casa" insultar quem cá vem deixar a sua opinião e depois ainda pretende ser "doutorado" em boa educação?!

    Depois de ter dito que aqui não voltaria a entrar, fá-lo afirmando que para isso teve de vestir as 7 saias duma peixeira e de descer um degrau, e ainda assim acha-se uma pessoa credível?!

    Só acredita em si e vai falar consigo a sua "casa" quem tiver a mesma "baixeza" de carácter que o menino ou um QI abaixo da média!

    Mudar de perfil eu? NUNCA! Até hoje nunca senti, como você, razão nenhuma para renegar o meu passado (longínquo ou recente)!!

    Trate-se e deixe os meus "jardins" em paz! Caso contrário levará o "tratamento" indicado aos chamados "casos perdidos"... porradinha muita porradinha! Ou pensava que entrava aqui e que assustava?!

    Gente como o menino nunca me fez sentir medo, mas sim vergonha! De exemplares como o senhor nem mesmo a Blogosfera precisa!

    RépondreSupprimer
  100. Eu disse que a senhora vestiu as 7 saias visto que foi a senhora a dar inicio à peixeirada.

    Tendo em conta que escreveu sobre mim e sobre uma cadeirada teórica, isso dá-me o pleno direito de aqui estar. Além disso, isto é uma página web aberta ao público e não a sua casa. Por isso, enquanto estiver visível e enquanto comentarem falando de ou para mim, eu voltarei.

    O tratamento que me possa dar não me assusta, mas já tenho uma ideia do que a senhora é capaz, pelo menos a titulo ofensivo.

    Se quer que eu não volte é muito simples, não me responda, se não responder e se não comentarem aqui eu não recebo um mail de aviso e sem ele não voltarei a este blogue.

    Agora que você não pense nem por um segundo que me ataca e vou ficar caladinho enquanto você escreve insanidades nestes comentários. Estou cá e estarei enquanto a senhora não se calar, pois sou um cavalheiro e não a quero deixar a falar sozinha.

    RépondreSupprimer
  101. Está explicado, o Boi "Bruno Fehr" Bento é como os cãezinhos, quando se assobia ele vem a correr, à espera que lhe dêem um doce ou uma festinha no lombo.

    Pelos vistos é uma fera com carências afectivas que gosta que lhe dêem atenção. Quando isso acontece vai a correr de cauda em riste ladrando umas coisas mal escrevinhadas.

    Actua como um tiranete de palas nos olhos que só vê o que lhe interessa, e que não aceita que haja pessoas com opiniões contrárias às dele e que ambos possam coexistir sem que tenham de se encontrar (talvez fosse aconselhável aqui o estudo ou a revisão da Teoria dos Conjuntos, provavelmente baldaste-te a essa aula, Boi "Fehr").

    Cada vez mais se prova que este indivíduo sofre com a mania da perseguição. Gente como esta geralmente acaba como o Minotauro da mitologia grega, fechada num labirinto e condenada a um trágico destino.

    (Provavelmente também te baldaste a essa aula. Não há problema, fazes uma pesquisa no Google, traduzes o texto para português, e apresentas no teu blogue como se fosse da tua autoria. Uma vez por outra até passa e ninguém se chateia.)

    Isto sem querer ofender ninguém, nomeadamente cãezinhos, bois bentos e minotauros desorientados.

    RépondreSupprimer
  102. Aceito opiniões contrárias contrárias até primitivos sem um pingo de educação, pois só isso justifica a minha tolerância em relação a este senhor Bruno.

    RépondreSupprimer
  103. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    andas de facto a precisar de um dicionário. Não só para aprenderes a escrever sem erros ortográficos, mas também para te familiarizares com o significado das palavras "tolerância" e "educação". Já agora revê a frase que tentaste escrever, ela sim designa aquilo que chamo de grau "primitivo" de escrita.

    RépondreSupprimer
  104. Antes de escrita que de educação pois é ela que nos permite viver saudavelmente em sociedade. Mas por factos que não são chamados para a discussão neste texto, ambos sabemos que não sabes o que é viver em sociedade.

    Por acaso sei o que é tolerância e respeito, que também por acaso andam sempre na boca ou na ponta dos dedos de quem as usa só como palavras. Você, tal como a proprietária deste espaço andam perdidos num mundo pequenino e muito pessoal onde o ataque é a melhor maneira de salvaguardar o vosso T1 intelectual.

    O Bruno na Laura encontrou o seu equivalente primitivamente agressivo e juntos podem dar inicio a um reino de difamação e má língua, pois ambos já provaram em mais do que um blogue (sem incluir o vosso próprio), o quanto são bons a fazê-lo.

    Tu falas muito em plágios e visitas, duas coisas com que te preocupas imenso não vá a tua careca ser descoberta, pois na verdade são os dois motores da tua escrita e usas de um para conseguir o outro. O plágio poderia levar ao encerramento do meu blogue, para isso só tens de apresentar uma queixa ao Google, mas logicamente se perderes o Google irá apresentar as contas jurídicas a ti e não a mim. Acho que quem tem a certeza do que diz não teme isso. Mas tu falas por falar, acusas para esconder o que fazes, tu já estás mais do que exposto, só não vê quem não quer.

    Portanto, age mais e fala menos, pareces um daqueles bonecos de corda. Se damos corda falas e falas e falas como se fosse raro teres a oportunidade de falar com alguém, o que acredito ser verdade. Olha fala com a Laura, acho que vocês se vão entender às mil maravilhas.

    A ti, Bruno, só me volto a dirigir para sublinhar a tua auto-ridicularização. À Laura irei dirigir-me sempre pois a minha presença neste texto é por ela e não pelo seu caniche barulhento.

    RépondreSupprimer
  105. Boi "Bruno Fehr" Bento,
    faz lá birrinha... mais uma vez o papel da virgem ofendida...
    Os teus plágios são evidentes.
    E mais te digo: "quem nasceu para lagartixa, nunca chega a jacaré."
    É esse o problema, é que queres ser jacaré, mas não sais do nível rasteiro de uma lagartixa.

    RépondreSupprimer
  106. LANçO DAQUI NOVO AVISO A TODOS OS MEUS VISITANTES:

    DEVIDO AO COMPORTAMENTO "DOENTIO" DE UM MENINO QUE SE ACHA NO DIREITO DE VIR INSULTAR QUEM AQUI VEM COMENTAR, VI-ME OBRIGADA (CONTRA A MINHA VONTADE INICIAL) A OPTAR PELA MODERAçÃO DE COMENTÁRIOS, CONTRA A MINHA PRÓPRIA VONTADE!

    LAMENTO, MAS TEVE QUE SER!! CASO CONTRÁRIO TERIA QUE CONTINUAR A ATURAR A MÁ EDUCAçÃO E A FALTA DE RESPEITO DE UM SER DESPREZÍVEL E COM UMA ÚNICA OBSESSÃO EM MENTE:
    INFESTAR OS MEUS "JARDINS" COM A SUA INDESEJÁVEL PRESENçA!!

    TENHAM UMA BOA SEMANA!

    RépondreSupprimer
  107. A PARTIR DE HOJE O(S) IDIOTA(S) FICA(M) LÁ FORA!!

    RépondreSupprimer
  108. "Uma amiga que não gosta de pessoas sem educação"18 mai 2009 à 21:38

    Lucife(h)r ou fehrinha mansa, vai para dentro que está frio e já te chega a corrente de ar que vai na tua cabeça. As melhoras!

    RépondreSupprimer